Umav Ozatroz

rimando, aspirando, transformando

Temporal Musical

Sopro que dá fôlego
Renova esperanças
Cura andar trôpego
Ou dele faz crianças

Sussurros ao ouvido
Quase imperceptíveis
Ou berros sem sentido
Desafios sensíveis

Incessante temporal
Palavras em estrofes
Catástrofe natural

Deságuam em ouvidos
D’uns poucos pobres mortais
Sem ter paz, encolhidos

Postado do WordPress para Android

Anúncios

Recite também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: